Página inicial !
PRINCIPAL
O CLUBE
NOTÍCIAS
EVENTOS
GALERIA DE FOTOS
 
Bloco de Carnaval
   
 

Neste Sábado, dia 04 de Fevereiro de 2012, o Ginástico realizou seu Bloco de Carnaval "Diz que me ama, pô!", com grande repercussão no cenário carnavalesco de Belo Horizonte. Ganhando as ruas da Savassi, o Bloco contou com grande número de foliões, saindo da sede do Clube e terminando no Bar do Pedro (R. Fernandes Tourinho). Confira a cobertura do Bloco nas principais mídias:

ESTADO DE MINAS
http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2012/02/05/interna_gerais,276176/bh-antecipa-carnaval-com-a-saida-de-dois-blocos-por-ruas-da-zona-sul.shtml

BH antecipa carnaval com a saída de dois blocos por ruas da Zona Sul No sábado, a cidade terá a irreverência da Banda Mole e de outros grupos
Luciane Evans - Publicação: 05/02/2012 06:57 Atualização:
 
Vestidos a caráter, foliões se concentraram na porta de clube no Santo Antônio, embalados por marchinhas.   
Belo Horizonte deu o seu grito para uma das festas mais esperadas do ano. Ontem, foi dia de “esquenta” pelas ruas da cidade, com a saída de dois blocos carnavalescos: o Trema na Linguiça e Diz que Me Ama, Pô!. O primeiro mantém a tradição de cinco anos pelas vias do Bairro Santo Antônio, na Região Centro-Sul, e já articula deixar de ser evento pré-carnaval para sair nos dias do recesso. O segundo bloco, que estreou em BH, no Bairro Cruzeiro, também tem planos: tornar-se uma tradição na cidade. Se durante muito tempo os belo-horizontinos carregaram a triste fama de não ser um povo amante da folia, recentemente a capital mineira tem mostrado o contrário. No Centro, o movimento de pessoas comprando fantasias e apetrechos carnavalescos foi intenso. Pelas ruas, muita gente estava indecisa entre dividir o tempo e a disposição para os dois blocos, que saíram no mesmo horário, porém, por caminhos diferentes. Por volta das 10h, em frente ao Mackenzie Esporte Clube, no Santo Antônio, onde se concentrou o Trema na Linguiça, uma turma de artistas plásticos chamava a atenção. Risonhos e fantasiados, eles irradiavam animação. “A gente espera o ano todo por isto. BH está aderindo a esta forma gostosa de pular o carnaval”, comentou Giovanna Martins. Zepa Neves se vestiu de cachorra do funk e arrancou boas gargalhadas de quem estava no bloco. “Sou do Rio de Janeiro, mas este ano vou ficar em Belo Horizonte. Estamos apostando neste ar carnavalesco que a cidade passou a ter.”Segundo Carlos Rocha, organizador do Trema na Linguiça e presidente do Mackenzie, o bloco surgiu há cinco anos por iniciativa dos sócios. Ano passado, 400 pessoas o acompanharam. “O bom é que moradores e comerciantes não se incomodam. É uma festa de todos”, disse. Próximo dali, o Diz que Me Ama, Pô! pela primeira vez foi para a rua. Criado pelos frequentadores do Esporte Clube Ginástico, o bloco, que levou a tradicional Banda Bororó para o cortejo, com cerca de 20 instrumentistas, superou as expectativas.
“A percussão está excelente. A cidade, pela primeira vez, tem cara de agitação. Os belo-horizontinos estão saindo de casa, se fantasiando e aproveitando. Este ano, o carnaval na cidade decola”, apostou a psicóloga Cristiane Vieira. O bloco, segundo o presidente do Ginástico, Márcio Tibo, surgiu da turma que vai há 30 anos para o carnaval de Olinda (PE). “A proposta é levar alegria para as ruas, resgatando o carnaval de antigamente, em que famílias inteiras brincavam.”

O TEMPO
http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=194956%2COTE&busca=carnaval&pagina=1

O Carnaval é só daqui a duas semanas, mas o clima da folia já tomou conta de Belo Horizonte. Ontem, dois blocos tomaram as ruas da região Centro-Sul da capital. O primeiro a desfilar foi o recém-criado Diz que me ama, pô!. Os foliões se concentraram no bairro Cruzeiro, na avenida Afonso Pena, e seguiram pela avenida do Contorno até a rua Fernandes Tourinho, onde fecharam o desfile. De acordo com a Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), cerca de cem pessoas acompanharam o cortejo.
De acordo com o fundador do bloco, Durval Guimarães, o grupo foi formado por foliões mineiros que passam, há 30 anos, o Carnaval em Olinda (PE). "A intenção da criação desse bloco é trazer o frevo e alegria da cidade pernambucana para Belo Horizonte", disse. Segundo ele, mesmo não tendo tradição na folia, a capital mineira tem todo potencial para fazer uma festa digna de destinos já conhecidos no país. "Queremos que, a exemplo do Diz que me ama, pô!, outras pessoas criem novos blocos e fortaleçam o Carnaval na cidade", afirmou.A cearense Daniele Teixeira, 41, que passa férias em Belo Horizonte, era uma das foliãs que acompanhava o bloco. "Passo o Carnaval sempre no Nordeste e vejo que aqui em Minas a cultura do Carnaval de rua vem ganhando força. A exemplo do que acontece em Recife e Salvador, os mineiros estão levando a alegria da data para as ruas da cidade", afirmou.
Para o engenheiro Gerson Azeredo, 48, além de ter muita animação, o Carnaval na capital é um ambiente para toda a família. "A alegria é contagiante e tem espaço para todos. Trouxe o meu filho para também curtir a folia", disse, se referindo ao garoto Guilherme Lamego, 4, que aproveitou a festa.
Outro bloco que desfilou ontem pelas ruas da capital foi o já tradicional Trema na Lingüiça. Carlos Rocha, um dos fundadores do grupo, afirma que a comemoração do Carnaval em Belo Horizonte se consolida cada vez mais. "Esse é o quinto ano do nosso bloco. E, a cada edição, mais foliões se juntam ao nosso grupo. O nosso objetivo futuro é fazer a folia no próprio dia de Carnaval e mostrar que Belo Horizonte tem capacidade para isso". Segundo a BHTrans, aproximadamente cem pessoas compareceram ao local.

SUPER
http://www.otempo.com.br/supernoticia/acervo/?IdEdicao=1654&IdNoticia=67743

O Carnaval é só daqui a duas semanas, mas o clima da folia já tomou conta de Belo Horizonte. Ontem, dois blocos tomaram as ruas da região Centro-Sul da capital. O primeiro a desfilar foi o recém-criado ‘Diz que me ama, pô!’. Os foliões se concentraram no bairro Cruzeiro, na avenida Afonso Pena, e seguiram pela avenida do Contorno até a rua Fernandes Tourinho, onde fecharam o desfile. Outro bloco que desfilou ontem foi o já tradicional "Trema na Lingüiça".
"Nosso objetivo futuro é fazer a folia no próprio dia de Carnaval e mostrar que Belo Horizonte tem capacidade para isso", diz um dos fundadores, Carlos Rocha.

HOJE EM DIA
http://www.hojeemdia.com.br/entretenimento/trema-da-linguica-e-diz-que-me-ama-po-desfilam-neste-sabado-1.401798

"Trema da Lingüiça" e "Diz Que Me Ama, Pô" desfilam neste sábado
Cortejo terá marchinhas tradicionais, belas marchas rancho e samba autoriais como a marchinha 2012.
Pollyana Dias - Do Hoje em Dia - 3/02/2012 - 20:50 - FREDERICO HAIKAL
"Diz Que Me Ama, Pô!"
Um outro bloco que saí também neste sábado é o "Diz Que Me Ama, Pô!". A concentração começa às 11 horas, nas quadras do Esporte Clube Ginástico, na avenida Afonso Pena, 3328, na praça Milton Campos, no bairro Cruzeiro, região Centro-Sul de BH, e segue pela avenida Cristóvão Colombo, em direção à Savassi, também para o Bar São Pedrinho.
A música ficará a cargo da Banda Bororó, com 24 instrumentistas que animarão o desfile ao som de antigas marchinhas carnavalescas, sambas e frevos executados em seus trombones, trompetes e clarinetas.
O "Diz que me ama, pô!" também disponibiliza camisetas do evento, no Clube Ginástico, por R$ 20.

   
  < voltar
   
 
 
Esporte Clube Ginástico
Sede: Av. Afonso Pena, 3328 / CT: R. José Rodrigues Pereira, 411
Belo Horizonte - MG - CEP: 30130-000
Tel.: (31) 3221-8044 / 3309-8044
Desenvolvimento e Administração: Guia das Vertentes!